Intel Thunderbolt

Acompanho o projeto da Intel desde 2009 quando a tecnologia Thunderbolt (na época chamada de Light Peak) foi revelada. De acordo com a empresa a tecnologia permitiria a troca de dados entre computadores e outros dispositivos através de cabos elétricos ou ópticos a uma velocidade incrível de 10Gbps e transferência de 10 watts de energia quando necesário.
Pois bem, ontem tive a surpresa de receber notificações sobre o lançamento dos novos modelos de MACBook PRO e para minha surpresa além da inclusão da nova linha de processadores "i" da Intel e de chips gráficos da AMD os PROs são os primeiros computadores do mundo a virem com a tecnologia Thunderbolt.

Vamos entender um pouco melhor:
O Thunderbolt integra dois outros padrões já conhecidos e largamente utilizados, o PCI Express e o DisplayPort. Portanto, ele pode conectar tanto monitores quanto dispositivos de armazenamento. O responsável por separar cada linha de dados é um chip controlador criado pela Intel e que é instalado diretamente na placa-mãe do computador.
Ele também suporta o padrão Daisy Chain de integração, isso quer dizer que podemos ter, por exemplo, um dispositivo Thunderbolt ligado a outro dispositivo Thunderbolt que por sua vez se liga no computador pela porta Thunderbolt, o que torna desnecessário um hub, por exemplo. Esse padrão suporta no máximo seis dispositivos, segundo a Apple.


Para você ter uma idéia da velocidade do novo padrão:
O bacana de tudo isso é que além do uso convencional da conexão para HDs externos, monitores, pen drive e outros periféricos usados pela "grande massa" o padrão é exelente para profissionais de áudio e vídeo.
Com essa velocidade você não precisa ter medo de usar sua placa de som e controlador midi através da mesma porta, sem contar que grande parte dos controladores não necessitarão mais de conexão externa de energia, afinal os 10 watts fornecidos pelo Thunderbolt  são o suficiente para muitos deles.


De acordo com a Intel é possível conectar dispositivos Gigabit Ethernet, Firewire, eSata, VGA, HDMI ou DVI através de adaptadores a porta Thunderbolt.


A Intel está investindo em parcerias com diversas empresas e fabricantes de equipamentos eletrônicos, dentre elas a Aja, Apogee Avid, Blackmagic e LaCie, conhecidas fabricantes de placas e equipamentos de áudio e vídeo, e também a Western Digital e Promise, conhecidas fabricantes de HDs e outros dispositivos de armazenamento.


Agora estou mais ansioso que nunca para saber como será a provável "Xponent 2.0" depois do lançamento do Torq 2.0 que teve consideráveis melhorias e o anuncio de uma provável parceria entre a Intel e a Avid levando em conta o desempenho do Thunderbolt... me faz ter grandes hipóteses do que pode vir por ai...


Fontes: Intel, Tecnoblog, Apple
Compartilhar este artigo :